Umuarama

Umuarama terá dança circular neste sábado na praça Miguel Rossafa

Fotos: Assessoria PMU
Umuarama terá dança circular neste sábado na praça Miguel Rossafa
Jaqueline Mocelin
OBemdito
7 de outubro de 2021 21h16

Neste sábado (9) acontece em Umuarama a terceira edição da Roda Solidária. A iniciativa é da enfermeira e facilitadora de danças circulares Bruna Rabelo. O encontro será às 15h na Praça Miguel Rossafa.

Para participar é necessário fazer a inscrição antecipada, através do WhatsApp (44) 99925-6071. As vagas são limitadas. Todos os protocolos de prevenção a Covid-19 serão adotados.

Bruna explica que a cada edição é feita a arrecadação de donativos, que são repassados para pessoas ou entidades. Neste sábado serão arrecadados brinquedos novos ou em bom estado de conservação. Os brinquedos serão destinadas ao Rotary Catedral Umuarama e Deusi Costa Moda Fitness que já estão com a campanha de arrecadação em andamento e farão a entrega em alguns bairros no Dia das Crianças.

Dança Circular e Roda Solidária

Bruna Rabelo explica que a Dança Circular é uma modalidade de dança realizada em grupo, geralmente em círculo e de mãos dadas, com passos simples respeitando o espaço e o tempo de cada um. Ela é conhecida como uma meditação em movimento, pois nos proporciona um equilíbrio físico, mental e espiritual.

No repertório estão danças tradicionais de diversas culturas.

“A experiência de dançar em círculo nos conecta com a energia de todos os povos, as coreografias resultam numa atividade física leve e prazerosa. É um excelente instrumento para o crescimento pessoal e educação da sensibilidade, além de oferecer inúmeras aplicações nas áreas da arte-educação, saúde, trabalhos comunitários, gestão de pessoas e no desenvolvimento de habilidades e competências que favoreçam o trabalho em equipe”, informa a facilitadora.

Quais os benefícios da Dança Circular?

– promove movimento e desenvolvimento da consciência corporal, centramento e um conexão com o nosso eu

– proporciona flexibilidade, e melhora a coordenação motora;

– Fortalece o senso de lateralidade e espaço;

– Amplia a atenção, percepção, concentração e memória;

– melhora a autoestima e autoconfiança;

– Promove autoconhecimento;

– estimula a musicalidade e ritmo;

– Ajuda a aliviar o estresse e ansiedade;

–  é muito indicado para pacientes depressivos;

– desperta a alegria, dentre outros benefícios.

Quem pode participar?

Pode ser praticada por pessoas de qualquer idade e condição física, inclusive gestantes e mães com bebês de colo. Não é necessária experiência anterior nem intimidade com a dança ou com os ritmos. Homens são muito bem-vindos em nossa roda!

A Roda Solidária tem a finalidade de conectar pessoas através da roda de dança e contribuir com alguma entidade social da nossa cidade, ela acontece 1 vez ao mês em algum espaço público escolhido pela organização.

Confira abaixo o vídeo da edição anterior do projeto, que ocorreu na praça do Japão:

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

LEIA TAMBÉM