Foto: Assessoria PMU

Defesa Civil de Umuarama apresenta trabalho em sessão da Câmara de Vereadores

A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil de Umuarama (Compdec) teve sua atuação destacada durante a sessão ordinária da […]

Redação Publisher do OBemdito
Foto: Assessoria PMU
Defesa Civil de Umuarama apresenta trabalho em sessão da Câmara de Vereadores
Redação
OBemdito
14 de maio de 2024 18h39

A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil de Umuarama (Compdec) teve sua atuação destacada durante a sessão ordinária da Câmara de Vereadores realizada na última segunda-feira, dia 13. Na ocasião, foi realizada uma breve prestação de contas sobre a colaboração conjunta com o Corpo de Bombeiros e a sociedade civil, voltada à arrecadação e envio de donativos às famílias desabrigadas pelas enchentes no Rio Grande do Sul.

O coordenador Joelson Simão Barbosa ocupou a tribuna para discorrer sobre as atividades desempenhadas pela Defesa Civil, que está presente em Umuarama desde 1997 e, em 2017, ganhou uma sede própria ao lado da Secretaria de Segurança, Trânsito e Mobilidade Urbana (Sestram).

Barbosa ressaltou a importância do trabalho preventivo realizado pela Defesa Civil, visando minimizar riscos e prejuízos decorrentes de situações como alagamentos. Ele destacou a assinatura recente do Plano de Contingência do município, que identifica áreas de risco e estabelece diretrizes para atuação em caso de desastres, contemplando medidas para lidar com inundações, deslizamentos de terra, enchentes, incêndios e outros sinistros.

“Desde a avaliação de danos em imóveis até o apoio a vítimas e ações de educação e treinamento, nossa atuação é abrangente”, afirmou Joelson. Durante o período de 2017 a 2023, a Defesa Civil registrou 486 pedidos de intervenção e emitiu 262 comunicações internas às secretarias municipais, além de 52 ofícios às autoridades. O coordenador também mencionou as quatro interdições de residências com remoção dos moradores durante esse período.

Além de identificar áreas de risco, o plano de contingência mantém um registro atualizado das pessoas e famílias em situação vulnerável. A Defesa Civil presta assistência em casos de desmoronamentos, distribui lonas em situações de destelhamento e fornece cestas básicas em situações de vulnerabilidade emergencial.

A instituição também monitora pontes e estradas, como a rodovia PR-323, que foi interditada devido a desmoronamentos. Outras atividades incluem o combate à dengue, palestras, reuniões com parceiros e, atualmente, o foco está no auxílio às famílias afetadas pelas cheias no estado gaúcho.

“A Defesa Civil está preparada para responder a situações de chuvas intensas em nossa cidade. Estamos atentos e sempre que solicitamos providências, somos prontamente atendidos”, ressaltou o coordenador.

Ele destacou também a solidariedade da população de Umuarama, que doou 180 toneladas de alimentos, água, ração animal, roupas e calçados, destinados ao Rio Grande do Sul. Aqueles que desejarem se voluntariar podem se inscrever para receber orientações da Defesa Civil.

“A população demonstrou grande solidariedade ao povo gaúcho esta semana. Nos colocamos à disposição para trabalhar pelo município e prestar socorro nos momentos de emergência”, concluiu Joelson.

OBemdito com Assessoria PMU

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.