Lançoni
Umuarama 69 anos
Sicred
Instituto Nossa Senhora Aparecida
Redação Publisher do OBemdito

Procedimento rápido e seguro, realizado em Umuarama: diga adeus à orelha de abano

A queixa é quase unânime entre as pessoas que têm a chamada orelha de abano. De uma simples brincadeira de […]

Doutora Camila Revesso, precursora da técnica Ear Shutt/Otomodelação em Umuarama (FOTO: DIVULGAÇÃO)
Doutora Camila Revesso, precursora da técnica Ear Shutt/Otomodelação em Umuarama (FOTO: DIVULGAÇÃO)
Procedimento rápido e seguro, realizado em Umuarama: diga adeus à orelha de abano
Redação - OBemdito
Publicado em 23 de abril de 2024 às 18h29 - Modificado em 23 de abril de 2024 às 19h19
9 Espetaria
Porto Camargo
Cupom Local
Lançoni
Gastro Umuarama
Atlanta Pneus

A queixa é quase unânime entre as pessoas que têm a chamada orelha de abano. De uma simples brincadeira de mau gosto até um bullying mais pesado, conviver com a situação passa a ser algo difícil. A boa notícia é que existe um procedimento rápido, seguro e eficiente para dar adeus ao visual indesejado. E ele é feito em Umuarama, sem a necessidade de internamento hospitalar ou de utilização de centro cirúrgico.

Uma das pioneiras na técnica na cidade é a doutora Camila Revesso (farmacêutica esteta). Ela explica que é considerada orelha de abano aquela que se distancia exageradamente do crânio. Geralmente é decorrente do apagamento parcial ou total de uma dobra da cartilagem (antélice) e do aumento da concha.

orelha de abano tem origem genética e atinge de 2 a 5% da população, tanto no sexo feminino como no masculino sendo observada já no nascimento.

Wagner, 32 anos, sentia-se mal com a brincadeira forçada dos amigos. Na adolescência, deixava de sair de casa para evitar comparações imperfeitas. Teve dificuldades em firmar o primeiro relacionamento. “Parece uma bobeira (ter orelha de abano), mas é algo que eu nunca aprendi a conviver direito”, diz.

Andressa, 19 anos, conta que costumava colocar fita adesiva nas orelhas, mas nem sempre dava certo. Além de incomodar, pela pressão natural da cartilagem, era comum o adesivo cair na frente de outras pessoas, agravando o constrangimento.

Wagner e Andressa se tornaram pacientes da Dra. Camila e foram submetidos à técnica Ear Shutt/Otomodelação, que corrige a posição das orelhas.

Como funciona

Já são dezenas de procedimentos realizados com o maior sucesso, conforme relata a doutora Camila, farmacêutica esteta com vários cursos de especialização. “Cada novo paciente representa uma nova alegria. É incrível quando fazemos um antes e depois com os pacientes. Muitos choram. Parecem não acreditar”, diz a profissional, hoje a maior referência no assunto na região.

A técnica Ear Shutt/Otomodelação permite resultados definitivos, de forma segura, rápida e sem cortes (não cirúrgica). O procedimento, que dura entre 40 minutos e 1 hora, ou pouco mais, se dá através de ancoragem com fios na cartilagem da orelha, deixando-a harmonizada. Além do resultado instantâneo, é feita apenas anestesia local e o paciente não sente dor.

A recuperação, conforme Dra. Camila, é tranquila. O paciente pode voltar às atividades diárias imediatamente com os devidos cuidados. Crianças a partir dos 7 anos e todos os adultos, inclusive os que já passaram por cirurgia na orelha, podem ser submetidos à técnica.

 “A técnica Ear Shutt/Otomodelação vai muito além da tão almejada correção das orelhas de abano, ela torna real um sonho, e posso afirmar que transforma vidas. É extremamente gratificante ver o resultado”, afirma.

Como agendar consulta

Maiores informações e agendamento de horário para o procedimento podem ser feitos pelo telefone/WhatsApp (44) 99974-5208. Veja casos e relatos de outros procedimentos no Instagram.

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Porto Camargo
Uvel