Umuarama

Guarda Mirim abre matrícula para adolescentes que querem ingressar no 1º emprego

Guarda Mirim abre matrícula para adolescentes que querem ingressar no 1º emprego
Redação
OBemdito
27 de janeiro de 2022 19h46

A Guarda Mirim de Umuarama está com matrículas abertas para adolescentes de 14 a 18 anos interessados em participar do projeto, que ainda não estejam na lista de espera. Administrada pela Associação Regional de Assistência ao Menor (Aram), a entidade fica na Avenida Portugal, próximo do Clube Português, e o contato pode ser feito pelos telefones 3622-1759 e 98426-5970.

Para entrar na lista de espera é necessário realizar o pré-cadastro no site http://guardamirimumuarama.org/pre-cadastro informando nome, data de nascimento e telefone. Candidatos com menos de 14 anos ou maior de 18 serão excluídos do cadastro.

Fundada em 1974, a Aram criou a Guarda Mirim em 1978 e mantém até hoje a filosofia de atender adolescentes de ambos os sexos em vulnerabilidade social, encaminhando-os para o mercado de trabalho. “Nossa missão é contribuir para a inclusão social, geração de empregos e prevenção da violência, auxiliando na formação, qualificação e inserção de adolescentes no mercado de trabalho”, explica Alice Cristina de Lima Pierini, que atua na instituição.

Adolescentes sem oportunidades de trabalho nem objetivos de vida passam a ter esperança de um futuro melhor e ampliar a rede de contatos com pessoas novas ao serem acolhidos. Desde 2005, o projeto faz parte do Cadastro Nacional de Aprendizagem e oferece o curso Adolescente Aprendiz, ministrado por entidade qualificada em formação técnico-profissional.

Além disso concentra esforços para a permanência dos adolescentes, afastando-os de diversas formas de violências e vulnerabilidades sociais, como evasão escolar, rompimento de vínculos familiares e contato com as drogas, contribuindo para o acesso a direitos fundamentais como alimentação, educação, dignidade, cidadania e a profissionalização.

A Guarda Mirim conta hoje com cerca de 250 adolescentes, abrange todo o município e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30. A entidade oferece alimentação adequada e com qualidade aos adolescentes que queiram se alimentar no local e também um café da tarde reforçado, garantindo segurança alimentar.

Os jovens são qualificados com técnicas variadas – como trabalhos, debates, exercícios práticos, dinâmicas de grupos, manuais e aulas expositivas – para atuar em empresas de comércio e serviços, como aprendizes, executando atividades supervisionadas de apoio administrativo, atendimento a clientes e serviços gerais de escritório.

O treinamento inclui expressão corporal, simulação de entrevista de emprego, tutoria e acompanhamento escolar e noções de gestão financeira, informática, auxiliar administrativo, raciocínio lógico e letramento, convivência familiar e comunitária e até fanfarra. “Em parceria com o Sesc, a Guarda Mirim fornece capacitação profissional de forma acessível, além de encaminhar os adolescentes para o primeiro emprego”, completa Alice Pierini.

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

LEIA TAMBÉM