Instituto Nossa Senhora Aparecida
Sicred
Lançoni
Umuarama 69 anos
Foto: MPRS
Redação Publisher do OBemdito

Ministério Público investiga desvios de recursos de cestas básicas para vítimas no RS

Há indícios de sobrepreço e superfaturamento na aquisição dos itens de compõem as cestas

Foto: MPRS
Ministério Público investiga desvios de recursos de cestas básicas para vítimas no RS
Redação - OBemdito
Publicado em 7 de junho de 2024 às 13h39 - Modificado em 7 de junho de 2024 às 13h39
Atlanta Pneus
Porto Camargo
Cupom Local
Lançoni
9 Espetaria
Gastro Umuarama

O Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) deflagrou nesta sexta-feira (7) a Operação Cesta Básica, que apura desvios de recursos públicos na aquisição de cestas básicas para os atingidos pelas enchentes no município de Cachoeirinha (RS).

Segundo as investigações, há indícios da ocorrência de sobrepreço e superfaturamento na aquisição dos itens que compõem a cesta básica. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão na prefeitura. São investigados agentes públicos e fornecedores envolvidos nas contratações emergenciais.

As diligências foram autorizadas pela 4ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul.

Não é a primeira vez que o Ministério Público investiga desvios relacionados à tragédia climática que atinge o Rio Grande do Sul desde o fim de abril. No fim de maio, foram cumpridos mandados de busca e apreensão na prefeitura de Eldorado do Sul, sob a suspeita de desvios de doações às vítimas das enchentes.

Eldorado do Sul foi uma das cidades mais afetadas pelas enchentes. Da população total de 39.556 habitantes, cerca de 32 mil tiveram que sair às pressas de suas casas, e 100% da área urbana foi atingida pela água. Após a operação, o MPRS solicitou que o Exército assumisse a distribuição das doações no município.

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Uvel
Porto Camargo