Umuarama 69 anos
Instituto Nossa Senhora Aparecida
Lançoni
Sicred
Foto: Assessoria PMU
Redação Publisher do OBemdito

Supermercados são multados em R$ 35 mil pela Vigilância Sanitária por produtos descongelados

A fiscalização foi realizada nesta terça-feira (7)

Foto: Assessoria PMU
Supermercados são multados em R$ 35 mil pela Vigilância Sanitária por produtos descongelados
Redação - OBemdito
Publicado em 7 de maio de 2024 às 17h59 - Modificado em 7 de maio de 2024 às 18h01
Porto Camargo
Gastro Umuarama
Atlanta Pneus
Lançoni
9 Espetaria
Cupom Local

A Vigilância Sanitária de Umuarama realizou operações especiais nesta terça-feira (7) em dois supermercados, que resultaram na apreensão e descarte de quase 30 quilos de alimentos que estavam sendo vendidos descongelados, com bandejas pingando e odor indicando que os produtos já estavam deteriorados. Os dois estabelecimentos receberam autos de infração e agora um processo administrativo já está em trâmite e pode gerar multa de R$ 35 mil a cada um.

No primeiro mercado, segundo Claudeni de Oliveira Santos Scapolan, coordenadora da Vigilância Sanitária, as mercadorias eram diversificadas. “Recolhemos caixas de pizzas, hambúrgueres, steaks de frango, carne moída processada e outros produtos que deveriam ser vendidos congelados ou resfriados em temperaturas corretas, conforme as instruções dos fabricantes, porém tudo estava visivelmente fora dos padrões, fato que foi confirmado pelos fiscais. Tudo foi recolhido e levado ao Aterro Sanitário”, relata.

Já no segundo supermercado, o produto encontrado absolutamente fora dos padrões de segurança alimentar foi um lote de pescoço de frango. “A situação era ainda pior e os agentes inutilizaram tudo no local, utilizando cloro para realizar o devido descarte. A Vigilância Sanitária realiza operações de fiscalização constantemente, porém, nesses dois casos de hoje, as ações foram feitas após o recebimento de denúncias”, contou.

Claudeni detalha que os estabelecimentos receberam infração por descumprimento de normas sanitárias constantes na Lei nº 13.331/2001, artigo 63 e inciso XIII. “A Vigilância alerta a todos os estabelecimentos que vendem produtos frios para a necessidade de se fazer a revisão de seus equipamentos, que mantenham tudo ligado 24 horas por dia, sete dias por semana, além disso que não façam o uso de sua capacidade total, já que tal prática prejudica a circulação de ar frio”, esclarece.

(Assessoria PMU)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Pós Unialfa
Uvel
Porto Camargo