Sicred
Instituto Nossa Senhora Aparecida
Rodrigo Mello Publisher do OBemdito

Proprietário de fazenda invadida por indígenas em Terra Roxa pede reintegração de posse

O pedido será protocolado na Vara da Justiça Federal de Umuarama

Foto: Reprodução/OBemdito
Foto: Reprodução/OBemdito
Proprietário de fazenda invadida por indígenas em Terra Roxa pede reintegração de posse
Rodrigo Mello - OBemdito
Publicado em 10 de julho de 2024 às 14h36 - Modificado em 10 de julho de 2024 às 14h36
Cupom Local
Gastro Umuarama
Porto Camargo
Atlanta Pneus
9 Espetaria

O advogado que representa o proprietário das terras invadidas por indígenas em Terra Roxa, no oeste do Paraná, deverá entrar nas próximas horas com pedido de reintegração de posse do local. A área de 265 alqueires, cultivada com milho e soja, foi invadida na tarde do último domingo (7).

A decisão acontece após uma reunião realizada na tarde desta terça-feira (9), entre os indígenas, a Itaipu Binacional e a Funai (Fundação Nacional dos Povos Indígenas), terminar sem acordo. Os indígenas pediam para que a Itaipu assinasse um documento comprometendo-se a adquirir um local para assentá-los.

O pedido de reintegração de posse deverá ser protocolado na Vara da Justiça Federal de Umuarama. A expectativa da defesa é que a justiça se manifeste no prazo de até 3 dias. A situação no local ainda é tensa.

Além de representantes da Itaipu e da Funai, policiais da Força Nacional de Segurança e da Polícia Militar também acompanham a situação. A Funai, até o momento, não se manifestou sobre a situação.

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Porto Camargo