Lançoni
Sicred
Umuarama 69 anos
Instituto Nossa Senhora Aparecida
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Redação Publisher do OBemdito

Moraes deixa o comando do TSE; Cármen Lúcia assumirá o posto em junho

Após pouco menos de dois anos como presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o ministro Alexandre de Moraes deixará o […]

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Moraes deixa o comando do TSE; Cármen Lúcia assumirá o posto em junho
Redação - OBemdito
Publicado em 6 de maio de 2024 às 14h03 - Modificado em 6 de maio de 2024 às 14h03
Cupom Local
Lançoni
Gastro Umuarama
Porto Camargo
9 Espetaria
Atlanta Pneus

Após pouco menos de dois anos como presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o ministro Alexandre de Moraes deixará o comando do órgão no começo de junho deste ano. O posto será ocupado pela ministra Cármen Lúcia, após uma eleição simbólica que acontecerá na próxima terça-feira (7).

Como Moraes permanecerá no posto só até o começo de junho, caberá à sucessora comandar as eleições municipais de 2024. A vice-presidência deve ser ocupada por Kassio Nunes Marques, pois a ordem de ducessão é decidida de acordo com a ordem de antiguidade dos ministros do STF no Tribunal Eleitoral.

Membro titular da Corte desde 2020 e presidente a partir de 2022, Moraes se tornou uma figura popular por sua postura firme contra a propagação de notícias falsas e desinformações contra o processo eleitoral e a confiabilidade das urnas eletrônicas brasileiras. O cenário de atuação do ministro também foi marcado devido à falta de regulamentação sobre as redes sociais.

Moraes também conduziu a eleição mais disputada do Brasil desde o período da redemocratização, com o embate do atual presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) contra o ex-presidente Jair Messias Bolsonaro (PL).

(Com informações CNN)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Porto Camargo
Uvel
Pós Unialfa