Lançoni
Umuarama 69 anos
Sicred
Instituto Nossa Senhora Aparecida
Aline Reis Publisher do OBemdito

Polícia Militar faz surpresa e entrega fardinha para menino fã da Corporação

O pequeno Samuel da Silva Gottselig, de quatro anos, foi surpreendido por uma equipe da Polícia Militar e ganhou uma […]

Foto: Divulgação/Polícia Militar
Foto: Divulgação/Polícia Militar
Polícia Militar faz surpresa e entrega fardinha para menino fã da Corporação
Aline Reis - OBemdito
Publicado em 9 de abril de 2021 às 15h41 - Modificado em 9 de abril de 2021 às 15h41
Lançoni
Gastro Umuarama
9 Espetaria
Porto Camargo
Atlanta Pneus
Cupom Local

O pequeno Samuel da Silva Gottselig, de quatro anos, foi surpreendido por uma equipe da Polícia Militar e ganhou uma fardinha de presente na manhã desta quinta-feira (08). A família, que é natural do Oeste do estado, mora na cidade de Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), e há dois meses o Samuel fez um transplante de rim e não esconde o seu amor pela PM.

A surpresa foi organizada pela tenente Patrícia Fernanda Silvério, da 5ª Seção do Estado-Maior da PMPR, após um contato da família. “Eles nos contaram da paixão do Samuel pela Polícia Militar, nos mandaram fotos e vídeos, além de nos explicarem a luta dele com o problema nos rins, até o recente transplante”, explicou.

Como o 22º Batalhão de Polícia Militar (22º BPM), pertencente ao 6º Comando Regional da PM (6º CRPM), uma equipe da Rondas Ostensivas Tático Móvel (ROTAM) foi escalada para fazer a surpresa. Além da presença dos policiais, o pequeno Samuel também recebeu uma cesta de doces e uma fardinha da Polícia Militar do Paraná.

Ainda um pouco envergonhado com a presença de tantos policiais, a mãe do Samuel, senhora Janete Gottselig, levou o filho para dentro de casa e quando retornou estava vestindo a famosa farda caqui e com uma arma de brinquedo, que lembrava as usadas pelos heróis do menino. Após conversar com os policiais e conhecer a viatura por dentro, ele pode dar uma volta e vivenciar um pouco o que é ser um policial militar.

Para o Oficial de Relações Públicas do 22º BPM, tenente Maycon Leandro de Souza, essa é uma excelente oportunidade de aproximar a Polícia Militar da comunidade. “O nosso batalhão tem essa missão de todo mês fazer algumas visitas para que essas crianças tenham a PM como referência e essas ações desmistificam a ação da Polícia Militar e faz com eles se sintam mais à vontade na nossa presença”, disse.

Ainda segundo o tenente Maycon, a família usar a Polícia Militar para colocar medo nas crianças é um desfavor para a Corporação e para toda a sociedade. “Esse tipo de trabalho serve para aproximar as crianças e mostrar que em situações de emergências a PM pode ser acionada e que ela estará de prontidão para ajudar”, complementou.

A mãe do Samuel, explicou que eles moravam em Medianeira, no Oeste do estado, e que por causa do tratamento eles tiveram que vir morar em Pinhais. “Durante um ano ele fez diálise peritoneal e para a hemodiálise, que ele fez durante três anos, tivemos que nos mudar. No dia 10 de fevereiro deste ano ele recebeu um rim e desde então ele não precisou fazer mais nenhuma sessão de hemodiálise e está se recuperando muito bem”, disse.

“A nossa ideia inicial era de fazer uma surpresa para ele no dia do aniversário, que foi no dia 14 de fevereiro, mas com o transplante não foi possível. Estou muito feliz com essa visita e essa surpresa, que, com certeza, significa muito e que ele vai levar como lembrança para o resto da vida”, explicou a senhora Janete.

(Assessoria)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Uvel
Porto Camargo