Instituto Nossa Senhora Aparecida
Lançoni
Sicred
Umuarama 69 anos
Redação Publisher do OBemdito

Dinheiro desviado da saúde pode ter sido usado para construção de casa em Porto Rico

Os possíveis desvios somariam mais de R$ 19 milhões

Foto: Ricardo Trindade/OBemdito
Foto: Ricardo Trindade/OBemdito
Dinheiro desviado da saúde pode ter sido usado para construção de casa em Porto Rico
Redação - OBemdito
Publicado em 5 de maio de 2021 às 13h53 - Modificado em 5 de maio de 2021 às 14h17
Lançoni
Atlanta Pneus
9 Espetaria
Porto Camargo
Cupom Local
Gastro Umuarama

Confira a entrevista com a promotora do Gaeco Cascavel, doutora Juliana Stofela da Costa:

A operação Metátese, deflagrada pelo Ministério Público do Paraná em Umuarama, nesta quarta-feira (05) desarticulou um possível esquema de desvio de dinheiro na área da saúde que ultrapassa a cifra de R$ 19 milhões.

Foram cumpridos sete mandados de prisão e 62 de busca e apreensão, que foram executados por meio da Subprocuradoria-Geral de Justiça para Assuntos Jurídicos (SubJur), do núcleo de Umuarama do Grupo Especializado na Proteção do Patrimônio Público e no Combate à Improbidade Administrativa (Gepatria) e do núcleo de Cascavel do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), contando também com o apoio da Polícia Militar do Paraná.

Entre outros, a operação investigou a atuação de funcionários públicos e empresários ligados à saúde para um esquema de peculato e falsidade ideológica, fraudes em contratações diretas, superfaturamento e corrupção.

Parte da verba desviada, de acordo com o MP, foi usada aquisição de equipamentos náuticos e da construção de uma casa de veraneio no Balneário de Porto Rico com recursos desviados de entidades filantrópicas da cidade que prestam serviços médico-hospitalares ao sistema municipal de saúde, conforme indícios descobertos nas investigações.

Saiba mais aqui.

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Porto Camargo
Uvel