Política

Vereadores rejeitam pedido de cassação de Pimentel e analisam outros projetos

Foto: Assessoria Câmara
Vereadores rejeitam pedido de cassação de Pimentel e analisam outros projetos
Redação
OBemdito
23 de novembro de 2021 21h05

Foi lida na íntegra na sessão ordinária da Câmara de Vereadores, na noite de segunda-feira (22), o pedido de cassação do prefeito interino de Umuarama, Hermes Pimentel da Silva, protocolado pela empresária do ramo de comunicação do município, eleitora Flávia Azevedo. O pedido se embasa em denúncia/processo de cassação por infrações político-administrativas que teriam sido cometidas por Pimentel. 

A argumentação para o pedido de cassação tinha como parâmetro áudios enviados por Hermes Pimentel, então vice-prefeito de Umuarama (no ano de 2020), para o então vereador Jones Vivi. No conteúdo, Pimentel teria afirmado ter pagado propina a determinados vereadores da legislatura 2017/2020 para aprovarem loteamentos pertencentes a ele.  

Ao final da leitura do pedido foi colocada em votação plenária para que os vereadores se manifestassem acerca de acatar ou não a denúncia. Ao abrir-se a votação plenária, o pedido foi rejeitado por unanimidade e, desta forma, a denúncia segue para arquivamento.

PROJETOS

Na pauta da ordem do dia foram publicados pela segunda sessão consecutiva o Projeto de Lei 046/2021, dispondo sobre o Plano Plurianual do Município para o período de 2022 a 2025 e o Projeto de Lei 047/2021, o qual estima a receita e fixa a despesa do Município para o exercício financeiro de 2022.

As matérias estão abertas ao recebimento de emendas e serão publicadas por mais uma sessão ordinária antes de serem votadas em plenário.

Ainda em pauta, dois Projetos de Decretos Legislativos (020 e 027/2021), os quais são assinados pelo vereador Ronaldo Cruz Cardoso, estando em segunda votação prevendo a denominação de vias públicas. Em votação, receberam aprovação unânime.

(Assessoria Câmara)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

LEIA TAMBÉM