Saúde

Paraná passará a aplicar dose de reforço contra Covid em pessoas acima de 40 anos

Foto: Danilo Martins/OBemdito
Paraná passará a aplicar dose de reforço contra Covid em pessoas acima de 40 anos
Redação
OBemdito
20 de junho de 2022 15h50

Foi divulgado oficialmente, nesta segunda-feira (20), que a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), recebeu a orientação para passar a aplicar a quarta dose ou segunda dose de reforço (R2) para pessoas acima de 40 anos em todo o Estado. A recomendação agora foi encaminhada aos municípios para que se organizem e iniciem a aplicação ainda nesta semana.

A orientação veio oficialmente através da Nota Técnica nº 176/2022 da Coordenação Geral do Programa Nacional de Imunizações (CGPNI). Antes da determinação, as dose de reforço era indicada somente para pessoas com mais de 60 anos. Foi somente no último dia 4 que o Estado passou a anunciar a aplicação para o público com 50 anos ou mais.

A mudança foi anunciada pelo Ministério da Saúde, que atendeu a uma solicitação feita pelo estado no mês passado (maio), pedindo que a faixa etária da aplicação fosse ampliada.

“Temos plena confiança que os índices da Covid-19 só são considerados estáveis hoje graças à vacinação, e, para isso, precisamos disponibilizar as vacinas para o maior número de pessoas. Vamos repassar a orientação aos municípios e disponibilizar mais doses para aqueles que precisarem”, disse o secretário de Estado da Saúde, César Neves.

A estimativa do Ministério da Saúde é que 4,8 milhões de pessoas tenham mais de 40 anos no Paraná, sendo que 1.604.097 tem entre 40 e 49 anos. O governo federal informou ainda que 485.143 paranaenses entre 40 e 49 anos já estão aptos a receber a nova dose, ou seja, tomaram a primeira dose de reforço (REF) há pelo menos quatro meses.

A Nota Técnica orienta que a nova dose deve ser aplicada com vacinas da plataforma de mRNA (Comirnaty/Pfizer) ou vetor viral (Janssen ou AstraZeneca). Mulheres grávidas ou puérperas devem receber preferencialmente o imunizante da Pfizer, e, caso não haja disponibilidade, poderá ser utilizada a vacina CoronaVac. As orientações também são válidas para pessoas imunocomprometidas.

Segundo os dados do Vacinômetro, o Paraná registra até agora 25.749.996 vacinas aplicadas, sendo 10.036.316 primeiras doses (D1), 9.155.800 segundas doses (D2), 336.285 doses únicas (DU), 381.109 doses adicionais (DA), 5.259.327 doses de reforço (REF) e 581.159 segundas doses de reforço.

(Redação, com informações Agência Estadual)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

LEIA TAMBÉM