Paraná

Nascem em Umuarama os trigêmeos Gael, Leo e Théo, filhos de casal de Iporã

Momento em que a mamãe Brenda conheceu seus trigêmeos | Foto: Assessoria
Nascem em Umuarama os trigêmeos Gael, Leo e Théo, filhos de casal de Iporã
Redação
OBemdito
25 de janeiro de 2022 12h58

Os trigêmeos Gael, Leo e Théo nasceram na tarde de segunda-feira (24) em Umuarama. Os trigêmeos são filhos da auxiliar de produção Brenda de Lima Almeida, 24 anos e do autônomo Davi Henrique Cardoso, 23 anos, e o parto ocorreu na maternidade da Associação Beneficente de Saúde do Noroeste do Paraná – Hospital Norospar, em Umuarama.  

Apesar de prematuros de 34 semanas e 5 dias, os meninos nasceram com saúde e passam bem. Gael, o primeiro a nascer, com 1,870 quilos, está com a mãe na enfermaria da maternidade aguardando os irmãos Leo, que nasceu com 1,605 quilos e Théo, que nasceu com 1,540 quilos, ambos internados na UTI Neonatal para ganhar peso. A previsão é que a família esteja reunida em poucos dias. 

A notícia da gravidez dos trigêmeos surpreendeu Brenda, a família e emocionou toda a região. O casal, que mora em Iporã já tinha dois filhos: Pietro de 3 anos e Isabelle de 1 ano e 10 meses. “Eu não conseguia acreditar e nem as pessoas da minha família. Meu esposo, acho que só vai acreditar mesmo quando eu chegar com as crianças em casa”, disse a jovem mãe na manhã desta terça-feira (25). 

O anjo da guarda de Brenda e seus cinco filhos é a sua irmã mais nova, Patrícia, de 17 anos. “Ela me acompanhou durante toda a gravidez e tem me ajudado demais com o Pietro e a Isabelle. Quando contei sobre os trigêmeos ela se encantou e tem estado ao meu lado desde então”, conta. 

Brenda também agradece a ajuda da comunidade. “Graças a mobilização dos amigos, vizinhos, da imprensa e de pessoas boas toda a região, conseguimos montar os enxovais dos bebês e nos preparar para esse aumento inesperado da família. Só tenho a agradecer a todos”.  

ACOMPANHAMENTO E PARTO PLANEJADO

A gestação de trigêmeos é considerada de alto risco e Brenda foi acompanhada pelos profissionais do Ambulatório Centro Mãe Paranaense, mantido pela Norospar, desde o momento que a gravidez múltipla foi detectada.

“Além de todos os exames, do acompanhamento pré-natal, recebi muito apoio da equipe do Centro Mãe. Fiz acompanhamento com a psicóloga, o que me ajudou muito a aceitar e me preparar para a chegada dos meus filhos. Hoje sou muito grata a Deus por essas bênçãos, a todas as pessoas que tem nos ajudado e, muito especialmente a esses profissionais incríveis, que estiveram comigo até agora”, disse a jovem mamãe. 

“O parto foi planejado e a gravidez interrompida com idade gestacional adequada para este cenário, com preparo prévio para diminuir os riscos e nesse caso a indicação foi a cesariana. Dois dos bebês dividiam a mesma placenta, mas cada um deles tinha a sua bolsa amniótica”, explicou a obstetra Dra. Ana Carolina Gazim. 

Segundo ela, o procedimento foi considerado um sucesso, todos os três bebês nasceram bem e chorando muito. 

Devido a quantidade de bebês, a cirurgia exigiu a mobilização de uma grande equipe. A obstetra, Dra. Ana Carolina Gazim foi auxiliada pelas residentes em obstetrícia: Dra. Carla Navarchi, Dra. Ana Carolina Augusto e Dra. Ana Leticia Bononi.

Os bebês foram recepcionados pela Pediatra Dra. Maria Luiza Mees e pelas residentes de Pediatria Dra. Isabella Zaupa e Dra. Ana Rafaela Padua, além de uma grande equipe de enfermagem e enfermagem obstétrica da Maternidade Norospar.  

Mãe e bebês passam bem. Brenda não vê a hora de reunir os filhos e ir para casa. “Não sei o que nos espera, não faço ideia. Só sei que Deus tudo provém e se ele me deu essas bençãos também vai me dar força necessária e colocar ao meu lado seus anjos para me ajudar nessa missão”, concluiu Brenda. 

AJUDA

Quem puder, pode contribuir com os trigêmeos e a família de Brenda com qualquer valor através da chave PIX: 12720331988 (CPF) – em nome de Davi Henrique Cardoso de Oliveira.

(Assessoria)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

LEIA TAMBÉM