Saúde

Mais de 60 crianças são diagnosticadas com covid em 12 dias em Umuarama

Foto: Freepik
Mais de 60 crianças são diagnosticadas com covid em 12 dias em Umuarama
Redação
OBemdito
12 de janeiro de 2022 17h51

A pandemia de coronavírus não acabou e, entre os casos diários informados pela Secretaria de Saúde de Umuarama, o aumento no número de crianças contaminadas chama a atenção: apenas nos primeiros 12 dias de janeiro de 2022, 61 casos foram confirmados. Para se ter uma ideia do aumento expressivo, durante todo o mês de dezembro foram 26.

Segundo relatório com dados dos últimos seis meses, apenas o mês de julho de 2021 teve um número maior de casos – foram 74.

“Os pais e responsáveis devem dar atenção especial às crianças, indicando que sempre utilizem máscaras e álcool gel. É recomendado também que, sempre que possível, não levá-las a locais de grande circulação de pessoas, como supermercados. Felizmente até o momento, todos os casos de covid em crianças foram leves e moderados, porém nunca é demais protegê-los”, orienta Franzimar Siqueira de Morais, coordenador de Vigilância em Saúde.

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), no Paraná 1.075.294 crianças com idade entre 5 e 11 anos devem ser vacinadas contra a covid-19. O número está previsto na Nota Técnica nº 2/2022 no início do mês pelo Ministério da Saúde e é baseado nas estimativas populacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Com a publicação, a população dessa faixa etária foi incluída no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, no âmbito do Programa Nacional de Imunizações (PNI).

CASOS DE COVID EM CRIANÇAS

MÊS/ANOCASOS
JULHO/202174
AGOSTO/202139
SETEMBRO/202157
OUTUBRO/202126
NOVEMBRO/202138
DEZEMBRO/202126
JANEIRO/2022 (*)61

(*) Entre os dias 1 e 12

CASOS DE COVID EM JANEIRO DE 2022

DIAMULHERESHOMENSCRIANÇASTOTAL
0309130325
0428240052
0546370285
061227207201
07623913114
08534605104
10594506110
11776710154
121329415241
TOT588437611.086
 54,1%40,3%5,6% 

(Assessoria PMU)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

LEIA TAMBÉM