Cotidiano

Justiça determina busca e apreensão de 2º cão do médico acusado de matar cachorrinha

Foto: Tarobá News
Justiça determina busca e apreensão de 2º cão do médico acusado de matar cachorrinha
Redação
OBemdito
12 de janeiro de 2022 19h32

Um mandado de busca e apreensão do cachorro “Bento” foi expedido na manhã desta quarta-feira (12). Bento é o outro cachorro do médico acusado de ter matado Capitu, na última segunda-feira (11).

O mandado foi expedido pelo Juiz de Direito da 3ª Vara Criminal de Cascavel, Leonardo Ribas Tavares. 

O cão Bento foi recolhido nesta manhã por uma equipe da Polícia Militar e entregue  aos cuidados de Evelyne Paludo, da ONG Sou Amigo.

O médico foi detido pela Polícia Militar (PM) na noite de segunda-feira (11). Ele é acusado de ter matado à pauladas a própria cachorra, no bairro Cancelli. Nesta quarta-feira ele saiu da prisão.

Populares, moradores das proximidades, flagraram a ação e acionaram a PM. Eles também gravaram um vídeo no qual é possível ouvir o animal sendo espancado.

O animal pertencia ao próprio indivíduo. Após ser espancado, o animal foi levado a uma clínica veterinária, porém já chegou ao local sem vida.

Os militares encaminharam, então, o homem para a 15ª SDP (Subdivisão Policial), onde ele prestaria esclarecimentos e poderia receber as devidas autuações. Segundo a PM, o homem confessou o caso que se enquadra em crime de maus tratos a animal.

Câmeras de monitoramento mostram o médico tentando reanimar o animal, confira no vídeo abaixo:

(Redação, com informações Tarobá News)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

LEIA TAMBÉM