Lançoni
Umuarama 69 anos
Instituto Nossa Senhora Aparecida
Sicred
Redação Publisher do OBemdito

Família realiza venda de pizzas para promover encontro de pai e filha que não se encontram há 36 anos

Maria Antônia foi embora de Umuarama aos 9 anos e hoje vive em uma cidade no interior da Bahia

FOTO: RICARDO TRINDADE/OBEMDITO
FOTO: RICARDO TRINDADE/OBEMDITO
Família realiza venda de pizzas para promover encontro de pai e filha que não se encontram há 36 anos
Redação - OBemdito
Publicado em 9 de maio de 2021 às 18h21 - Modificado em 9 de maio de 2021 às 18h21
Atlanta Pneus
Porto Camargo
Gastro Umuarama
Cupom Local
9 Espetaria
Lançoni

Já pensou viver mais de 30 anos sem ver a filha e agora descobrir onde ela vive e não poder reencontrá-la? Pois é, essa é a realidade de um morador de Umuarama que descobriu que sua filha vive na Bahia há anos.  Antônio Luiz de Araújo, de 65 anos, tem o sonho de encontrar com Maria Antônia da Cruz Araújo, de 45 anos.

Pai e filha tiveram os laços rompidos ainda quando a menina tinha 9 anos de idade. Ela foi embora com a mãe e nunca mais os dois tiveram contato. A família fez de tudo para encontrar com Maria Antônia.  Ela já morou em São Paulo e depois de muito procurar e vasculhar tudo, a tia Ana Selma, descobriu o paradeiro da sobrinha.

“Eu não desisti de encontrar ela. Eu disse que iria fazer de tudo para realizar o sonho do meu irmão. Um certo dia, descobri que ela estava vivendo em Caatiba, uma pequena cidade no Estado da Bahia. A alternativa que encontrei foi ligar em um distrito policial. E lá estava um anjo que ajudou eu a encontrá-la. A cidade é pacata e o escrivão de plantão encontrou minha sobrinha que fez contato comigo. Eu fiquei feliz e realizada”, lembrou Ana Selma, irmã de Antônio.

Antônio, pai de Maria Antônio, está acometido por um câncer grave e que tem afetado vários órgãos. Emocionada a irmã contou para a reportagem de OBemdito, que ele não para de chamar pela filha. E por isso, ela resolveu vender pizzas para promover o encontro dos sonhos do irmão.

“Há 5 meses meu irmão foi diagnosticado com um câncer. Eu ajudo a cuidar dele e ele chora pedindo pela filha. Ela também tem o desejo em encontrá-lo, mas não tem condições financeiras de vir da Bahia para cá. Então eu resolvi vender pizzas para arrecadar dinheiro e promover esse reencontro que será muito emocionante”, destacou Ana Selma.

Hoje Maria Antônia é casada, tem filhos e recentemente sofreu um infarto. Por conta da pandemia, ela também não consegue viajar de ônibus de Caatiba a Umuarama. Mas a tia não tem medido esforços para que ela venha até a cidade para conhecer além do pai, toda a família.

“Minha sobrinha também manifestou o desejo de conhecer o pai. Ela tem poucas lembranças dele. E nós vamos proporcionar esse reencontro. Estamos lutando contra o tempo, por que o estado de saúde dele é muito delicado. Mas Deus vai nos proporcionar esse momento de alegria e felicidade”, ressaltou a irmã.

As pizzas estão sendo comercializadas a R$ 25. O objetivo é arrecadar aproximadamente R$ 3 mil reais para que possa ser possível a viagem de Maria Antônia e família. A cidade que ela vive em Caatiba fica a há mais de 2 mil quilômetros de Umuarama.

As pessoas que quiserem fazer parte desta corrente do bem e de solidariedade podem estar adquirindo as pizzas por meio dos telefones : (44) 9-9981-2987, falar com Ana ou também (44) 9-9733-4020 , Dani Steves.

E se você tiver o coração tocado e quiser doar qualquer valor os familiares também estão recebendo. “Eu só quero ver a felicidade estampada no rosto do meu irmão, por isso, eu estou fazendo de tudo para trazer minha sobrinha até aqui. Eu sei que vamos conseguir, Deus vai nos ajudar, assim como nos ajudou quando eu procurava desesperadamente por ela”, finalizou Ana Selma.

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Porto Camargo
Uvel