Umuarama 69 anos
Instituto Nossa Senhora Aparecida
Lançoni
Sicred
Redação Publisher do OBemdito

Polícia prende homem por lesão corporal grave e disparo de arma de fogo, em Francisco Alves

A vítima do crime teria sido espancada enquanto estava jantando com a família

Foto: PCPR
Foto: PCPR
Polícia prende homem por lesão corporal grave e disparo de arma de fogo, em Francisco Alves
Redação - OBemdito
Publicado em 22 de maio de 2024 às 09h35 - Modificado em 22 de maio de 2024 às 12h26
Cupom Local
Atlanta Pneus
Gastro Umuarama
Lançoni
9 Espetaria
Porto Camargo

Um homem, de 26 anos, foi preso pela Polícia Civil de Iporã, na manhã desta quarta-feira (22), durante um cumprimento de mandados de busca e apreensão e prisão preventiva, no município de Francisco Alves. O suspeito é investigado por lesão corporal grave, disparo de arma de fogo e porte ilegal de armamento.

A ação desta manhã contou com o apoio da Rotam (Rondas Ostensivas Tático Móvel) e da equipe do Canil do 25º Batalhão de Polícia Militar (BPM). Os crimes ocorreram em Francisco Alves no último dia 23 de março e vitimaram um homem de 35 anos, porém a motivação ainda não foi desvendada pela PCPR.

De acordo com o delegado Luã Mota, da Delegacia de Iporã, ao ser interrogado, o suspeito negou ter realizado os fatos. Entretanto, mesmo assim ele foi encaminhado ao Depen (Departamento Penitenciário) de Iporã, onde segue à disposição da Justiça.

A ação também resultou na apreensão de dois celulares que estavam na residência e que serão encaminhados para a extração de dados. A PCPR segue com as investigações.

Relembre o caso

O crime ocorreu por volta das 22h do dia 23 de março. A vítima foi identificada como um homem, de 35 anos e nacionalidade paraguaia, que na ocasião relatou à Polícia Militar (PM) ter sido agredido após uma discussão no trânsito.

Os policias militares, a vítima relatou que estava a caminho da casa da irmã quando se viu envolvido em uma discussão com o condutor de um veículo Ford/Ecosport prata. Após uma manobra de ultrapassagem, o suspeito teria questionado a origem paraguaia da vítima por diversas vezes, causando desconforto.

Minutos depois, enquanto a vítima estava jantando com sua família, dois homens armados invadiram o local. Um deles, alto e trajando blusa escura com capuz e calça jeans, portava uma arma de fogo calibre 12. O outro, de estatura baixa e vestindo blusa clara com capuz e calça jeans, estava armado com uma pistola de cor preta.

Diante da ameaça, a vítima se rendeu, sendo brutalmente agredida com coronhadas na cabeça, pescoço, costas e costelas pelos agressores. Após o ataque, os criminosos fugiram da residência, efetuando disparos de arma de fogo para o alto. Uma munição de calibre 12 foi encontrada no local.

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Uvel
Porto Camargo