Instituto Nossa Senhora Aparecida
Lançoni
Sicred
Umuarama 69 anos
Redação Publisher do OBemdito

Abril somou 2.216 casos de dengue em Umuarama; no ano são mais de 4,5 mil casos

Ainda há 909 pessoas aguardando os resultados de exames

Fotos: Prefeitura de Umuarama
Fotos: Prefeitura de Umuarama
Abril somou 2.216 casos de dengue em Umuarama; no ano são mais de 4,5 mil casos
Redação - OBemdito
Publicado em 3 de maio de 2024 às 17h41 - Modificado em 3 de maio de 2024 às 19h35
Gastro Umuarama
Cupom Local
Lançoni
Atlanta Pneus
9 Espetaria
Porto Camargo

O mês de abril fechou com mais de 2.200 casos positivos de dengue registrados em Umuarama, conforme os boletins periódicos emitidos pelo Serviço de Vigilância em Saúde Ambiental e Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde. O último, divulgado nesta sexta-feira (3), confirmou seis novos casos da doença.

Somados os casos das quatro semanas de abril, foram 2.216 casos de dengue. Em todo o período epidemiológico (que vai de 30/07/23 a 29/07/24) Umuarama já acumula 4.549 pacientes com confirmação para a doença, enquanto outros 909 aguardam resultados de exames. O total de notificações (que somam casos suspeitos, confirmados e descartados) já chega a 10.509 no mesmo período.

A Secretaria de Saúde registrou ainda três casos de dengue com sinais de alarme (DSA), um caso de dengue grave, duas mortes confirmadas e quatro óbitos em investigação, sob suspeita de terem sido causados pela doença.

Dentre as unidades de saúde, a situação é mais crítica no Guarani/Anchieta, onde já foram confirmados 498 casos, no Jardim Panorama (441) e na região do Posto de Saúde Central (359). Também há grandes volumes de casos no Jardim Cruzeiro (335), Vitória Régia (325) e Cidade Alta (314). Há confirmações para dengue em todas as UBS de Umuarama, tanto na sede quanto nos distritos – exceção apenas da vila Nova Jerusalém.

COMBATE E ATENÇÃO

Enquanto várias frentes de combate ao mosquito da dengue concentram esforços em todas as regiões de Umuarama, com agentes de combate a endemias, atiradores e voluntários inclusive nos finais de semana, o município também ampliou a atenção aos pacientes acometidos pela doença.

No Ambulatório de Dengue, que funciona de segunda a segunda até as 21h exclusivamente para atender pacientes com sintomas típicos, 18.087 pessoas já passaram pela triagem.

Destas, 7.717 foram atendidos na primeira consulta, 7.641 fizeram a prova do laço (PL), 9.868 exames foram autorizados e 1.860 pacientes receberam atendimento de enfermagem. O ambulatório distribuiu 26.522 unidades de soro oral, 241.401 unidades de medicamentos e realizou 122 testes rápidos, além de 3.846 procedimentos de enfermagem.

“São números bem expressivos que mostram os esforços do município para o enfrentamento da dengue, mesmo assim ainda enfrentamos situação de epidemia e os casos continuam aumentando. Na próxima semana iniciaremos a vacinação de crianças e adolescentes (10 a 14 anos), mas ainda contamos com o apoio e a ação da população mantendo os seus quintais limpos, livres de criadouros do mosquito transmissor da dengue”, alertou o secretário da Saúde, Edson Souza.

(Reportagem: Assessoria PMU)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Uvel
Porto Camargo