Instituto Nossa Senhora Aparecida
Umuarama 69 anos
Sicred
Lançoni
Redação Publisher do OBemdito

Agentes de endemias seguem com trabalho de combate à dengue em Umuarama

Os agentes da Vigilância em Saúde Ambiental da Secretaria Municipal da saúde estão com ações intensificadas de domingo a domingo […]

Foto: Assesssoria PMU
Foto: Assesssoria PMU
Agentes de endemias seguem com trabalho de combate à dengue em Umuarama
Redação - OBemdito
Publicado em 23 de abril de 2024 às 11h21 - Modificado em 23 de abril de 2024 às 11h21
Lançoni
Atlanta Pneus
Porto Camargo
9 Espetaria
Cupom Local
Gastro Umuarama

Os agentes da Vigilância em Saúde Ambiental da Secretaria Municipal da saúde estão com ações intensificadas de domingo a domingo no combate à dengue. Na última sexta-feira, 19, a equipe esteve no distrito de Serra dos Dourados, onde foram eliminados 22 focos de reprodução do mosquito transmissor da doença, o Aedes aegypti. No sábado, 20, e domingo, 21, as ações se concentraram no perímetro urbano de Umuarama.

“Estamos trabalhando a todo vapor com todos os agentes de combate a endemias (ACE) em campo, inclusive aos domingos”, disse a coordenadora da Vigilância Ambiental, Taila Biaca Crivelaro. O esforço concentrado busca para eliminar criadouros do mosquito e conscientizar a população sobre a importância de nos unirmos no combate à dengue. “Só enfrentando e eliminando o mosquito conseguiremos reduzir os casos, que já colocaram a cidade em situação de epidemia”, alertou.

Na última sexta-feira, 40 agentes de endemias realizaram trabalho de vistoria e orientação à população do distrito de Serra dos Dourados, incluindo também a vila rural. Foram flagradas muitas situações de acúmulo de água em pneus, materiais recicláveis e sucata exposta no tempo. Ao final da ação, 22 focos do mosquito foram eliminados e diversos pontos foram tratados com inseticida, para reduzir o risco de proliferação.

No sábado o trabalho se concentrou na Zona 7 (região da Praça dos Xetá e avenida Rondônia). Os agentes vistoriaram 152 imóveis vistoriados e eliminaram 208 possíveis focos de reprodução do mosquito, além de quatro depósitos tratados e dois pontos com larvas eliminados. Já no domingo, no Jardim Ipê e no Parque Tarumã, 120 imóveis passaram por vistoria, um foco foi eliminado e outros 156 possíveis focos foram descartados. Dois imóveis receberam tratamento com inseticida.

Apesar de todos os esforços das equipes de agentes, o número de casos de dengue segue aumentando em Umuarama. Na última semana foram confirmados 879 novos casos, elevando para 2.199 o total acumulado neste ano epidemiológico e há, ainda, 2.878 suspeitas em investigação. “A população cobra ações, mas praticamente todos os focos encontrados então dentro dos quintais. Precisamos urgentemente do apoio de cada morador, que olhe o seu quintal e realize o descarte correto do lixo”, reforçou Taila Crivelaro.

Segundo o secretário municipal da Saúde, Edson Souza, muitos quintais são encontrados com uma limpeza exemplar. “Porém, se os vizinhos do lado não cuidarem, o mosquito vai proliferar e contaminar a todos. Precisamos de um esforço conjunto, em todas as frentes. Só assim conseguiremos reduzir a infestação do mosquito e o número de casos da doença”, convocou.

(Assessoria PMU)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Porto Camargo
Uvel