Paraná

Plantação com centenas de pés de pitaias começou com uma muda ganhada

A pitaia tem conquistado o paladar das pessoas e abrindo o mercado para muitos produtores

FOTO: Ricardo Trindade
Plantação com centenas de pés de pitaias começou com uma muda ganhada
Marta Paula
OBemdito
18 de abril de 2021 13h35

Uma grande variedade de frutas exóticas tem chego ao varejo nos últimos anos e isso tem sido atrativo aos produtores rurais. Uma delas é a pitaia, uma fruta exótica da América Latina e que hoje já é produzida em diversas regiões do Brasil.
Em Cruzeiro do Oeste, na chácara Nossa Senhora Salete, há 700 pés da fruta. A produção começou com apenas 12 pés e hoje é fonte de renda para a família do ‘Seo’ Valdir Lisik.
As primeiras mudas foram plantadas há 15 anos. “Quando a gente chegava com as caixas no mercado, todo mundo queria saber o que era, chegava a ser legal, pois ainda era um fruto desconhecido por muitos”, disse Valdir Lisik, produtor rural.
A fruta não era muito conhecida nesta região e com o passar dos anos ganhou destaque. “Eu ganhei uma mudinha de um amigo meu e plantei em casa mesmo. Depois cresceu e fiquei com 12 mudas, como não tinha espaço, eu e o Valdir resolvemos plantar aqui na propriedade dele e deu muito certo”, disse o engenheiro agrônomo Pedro Morimoto.
A safra começa em novembro e termina entre março e abril. O maior investimento para fazer o plantio é o palanque para prender o cacto, que é rasteiro. Primeiro aparecem as flores, e delas vêm as frutas. “A produção tem dados bons frutos e tem sido rentável. No começo foram muitos investimentos agora é a boa colheita”, lembrou Pedro.
A fruta tem baixo valor calórico e é rica em fibras. A cor da polpa pode ser roxa, vermelha e branca, depende da espécie, com os tons de vermelho e amarelo das cascas e formas varias do fruto.
“O solo da nossa região é bom, a temperatura é agradável e elas gostam de calor e sol e por aqui a pitaia tem dado certo”, destacou Pedro.
Na colheita de 2020, foram colhidas 11 toneladas da fruta. Com cores atraentes, aparência peculiar tem atraído muitos clientes. “Na época de safra os agricultores colhem três vezes por semana. As frutas são separadas em caixas e entregues aos supermercados de Umuarama, Goioerê e Campo Mourão”, ressaltou Valdir.
A pitaia tem conquistado o paladar das pessoas e abrindo o mercado para muitos produtores. “Aqui na região ainda não é muito comum. Temos essa produção e em Umuarama tem cultivo da branca. “Mas essa vermelha é saborosa e mais atrativa”, destacou Pedro.
“Antes eu nunca havia imaginado uma plantação dessas na minha propriedade. Mas quando está tudo florido e com frutas é lindo de ver”, enfatizou Valdir.

Florada Pitaias
Colheita Pitaias
Pitaia fruta

Vídeo da plantação e florada de Pitaias:

LEIA TAMBÉM