Instituto Nossa Senhora Aparecida
Sicred
Redação Publisher do OBemdito

Grupo com cerca de 20 pessoas participou de linchamento de paranaenses em Santa Catarina

A Polícia Civil segue investigando o linchamento que tomou a vida de seis paranaenses na cidade de Joinville no litoral […]

Foto: Reprodução/RICtv
Foto: Reprodução/RICtv
Grupo com cerca de 20 pessoas participou de linchamento de paranaenses em Santa Catarina
Redação - OBemdito
Publicado em 9 de janeiro de 2023 às 16h20 - Modificado em 9 de janeiro de 2023 às 16h20
9 Espetaria
Cupom Local
Gastro Umuarama
Porto Camargo
Atlanta Pneus

A Polícia Civil segue investigando o linchamento que tomou a vida de seis paranaenses na cidade de Joinville no litoral de Santa Catarina, na noite deste domingo (8). Até o momento, a investigação apurou que aproximadamente 20 pessoas tiveram participação no crime.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Dirceu Silveira Júnior, os crimes praticados foram invasão, espancamento, sequestro, incêndio e assassinato.

As vítimas foram identificadas como sendo moradores de Palmas, na região Oeste, e União da Vitória, no Paraná. Eles haviam ido até o município de Joinville para trabalharem em uma empresa que realiza serviços de limpezas em redes elétricas.

O CRIME

Segundo informações primárias coletadas pela Polícia Civil, o crime pode ter começado após um desentendimento de uma das vítimas em um bar da cidade. Ao sair do estabelecimento, o homem foi seguido pelo grupo de suspeitos até a residência, onde foi, juntamente com as outras vítimas, espancado e arrastado para fora do imóvel, que foi ateado fogo logo após.

Durante o atendimento do Corpo de Bombeiros para combate às chamas, a Polícia Militar (PM) recebeu um chamado sobre um veículo que havia sido ateado fogo no bairro Vila Nova, na Zona Oeste de Joinville, com corpos humanos carbonizados dentro dele.

Os suspeitos ainda não foram localizados pela polícia.

(Redação, com informações RIC Mais)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.

Porto Camargo