Paraná

Gestante com Covid faz parto emergencial e após alta comemora com a filha

A paciente passou 25 dias internada, 16 deles na UTI. Djanira é moradora em Mauá da Serra

Foto: Reprodução TN Online
Gestante com Covid faz parto emergencial e após alta comemora com a filha
Redação
OBemdito
18 de junho de 2021 20h11

Djanira Cordeiro tem 32 anos e mora em Mauá da Serra, ela estava grávida de 32 semanas quando precisou ser internada com urgência Hospital da Providência, pois havia positivado para a Covid-19. A reportagem é do site TN Online.

A paciente passou 25 dias internada, 16 deles na UTI, mas agora pode comemorar sua vitória ao lado de sua filha.

A moradora de Mauá da Serra conta que havia passado a semana se sentindo mal e foi buscar auxílio no posto de saúde de sua cidade que a encaminhou ao Hospital da Providência. Ela foi enviada para a UTI no primeiro dia e sedada dois dias depois, seu caso era gravíssimo, mas sua força foi maior que os obstáculos.

Djanira conta que suas memórias desse período são bem falhas, contudo ela se lembra de ser levada para a anestesia e de ouvir pela primeira vez o choro de sua filha. Ana Vitória nasceu no dia 26 de abril, um dia depois da entrada da mãe no hospital, a pequena foi entubada e levada ao Hospital da Providência Materno Infantil.

Em casa, Djanira comemora. “Tem coisa que não tem explicação, quando começam a me contar tudo o que passamos eu só penso em agradecer a Deus por estarmos bem e juntas”.

Os pais escolheram o nome Ana Júlia para a pequena antes dela nascer, mas depois de toda a luta da família, ela se tornou Ana Vitória. “Ela representa a nossa vitória”, afirma a mãe.

A paciente deixa ainda uma mensagem de apoio para os pacientes e familiares que lutam contra a Covid-19. “Precisamos de muita fé em Deus, ele é capaz de tudo”. E agradece ao hospital pelos cuidados. “Fui muito bem cuidada, só tenho a agradecer pelo atendimento”.

(Reportagem do TN Online)

LEIA TAMBÉM