Foto: Assessoria PMU

Expedição do Conhecimento aborda energia, água e sustentabilidade com ações gratuitas

O objetivo do projeto é informar, conscientizar e sensibilizar sobre a importância da preservação ambiental

Redação Publisher do OBemdito
Foto: Assessoria PMU
Expedição do Conhecimento aborda energia, água e sustentabilidade com ações gratuitas
Redação
OBemdito
14 de maio de 2024 18h41

Um projeto da Itaipu Binacional e do Parque Tecnológico de Itaipu, que oferece conhecimento em sustentabilidade, está chegando a Umuarama nesta terça-feira (14), devendo receber estudantes até quinta (16), no estacionamento do Centro de Eventos Professor Alexandre Ceranto. A ação é uma parceria com a Secretaria Municipal de Educação e receberá a visita de alunos de toda a rede municipal.

A carreta da Expedição do Conhecimento é uma unidade móvel educadora que traz atividades sobre energia, água e sustentabilidade para alunos de escolas municipais, estaduais e particulares, além de acolher o público em horários específicos. O objetivo do projeto é informar, conscientizar e sensibilizar sobre a importância da preservação ambiental, seguindo os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

“A exposição é gratuita. Vamos levar os alunos das escolas municipais nos turnos da manhã e tarde. Esperamos que todos participem e se envolvam nessa jornada pelo conhecimento e pela sustentabilidade”, afirmou a secretária municipal de Educação, Mauriza de Lima Menegasso.

O caminhão itinerante da Expedição do Conhecimento leva ciência e educação ambiental a crianças, jovens e adultos de forma lúdica e gratuita. Lançada em 2020, durante o Show Rural de Cascavel, a expedição foi interrompida durante a pandemia de covid-19 e retornou em meados de 2021.

A estrutura móvel aborda a temática “Água, Energia e Sustentabilidade” por meio de atividades interativas. O caminhão-baú tem 15 metros de extensão e abriga diversas atividades, que começam com um panorama sobre todas as formas de energia, desde o Sistema Solar até a energia das células humanas.

O visitante tem contato com telescópio solar, maquete demonstrando como funciona uma casa sustentável e jogos interativos. Na parte interna estão informações sobre biomas, rios voadores, o ciclo da água e a importância do Sol como fonte primária de energia. O visitante aprende como é possível gerar energia limpa e iluminar uma cidade pedalando numa bicicleta.

Óculos de realidade virtual também levam o público a uma imersão na Mata Atlântica, um dos biomas brasileiros. Todo o roteiro foi planejado com acessibilidade visando a inclusão, com elevador e piso tátil.

(Assessoria PMU)

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba as notícias do OBemdito em primeira mão.